LOJA FÍSICA
Praça Mauá, 4541 - Sala 22
09580-050 - São Caetano do Sul / SP
CENTRAL DE ATENDIMENTO
(11) 3522-7626
info@robocore.net
HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO
De segunda à sexta das 9:00 às 18:30
Retornar
ao topo
Comparativo Arduino



Um grande problema que encontramos é que existem diversos modelos de placas Arduino disponíveis no mercado. Mas como escolher qual placa é a mais recomendada para seu projeto? Para ajudar nessa escolha agrupamos as principais características das principais placas disponíveis em uma única tabela.

O que é um Arduino?

Primeiro vamos aprender o que é um Arduino. Arduino é uma plataforma de desenvolvimento totalmente de código aberto destinada para artistas, designers, hobbystas e todos aqueles interessados em criar sistemas eletrônicos de forma fácil. Com um Arduino você pode, de forma simples, ler sensores, controlar saídas a partir de botões, controlar motores e adicionar shields para ampliar as funcionalidades. Resumindo, com um Arduino você pode fazer praticamente qualquer coisa.

Todas as placas Arduino possuem uma coisa em comum: são programadas através do software Arduino IDE (Arduino Integrated Development Environment). Este software permite que você crie e grave um programa em sua placa Arduino. Fora isso, existem diversas diferenças entre as placas, como o número de entradas e saídas, processamento, memória, tensão de operação, etc.

Mas porque as placas são diferentes?

Algumas placas foram desenvolvidas para sistemas embarcados, por conta disso não possuem uma interface de programação. Estas placas precisam de um conversor USB/Serial para serem programadas, como por exemplo a Placa RC FTDI. Outras placas trabalham com a tensão de 3,3V nas portas ao invés de 5V como as mais comuns. Veja a tabela abaixo e consulte qual a que melhor se encaixa de acordo com suas necessidades. Se mesmo assim você continuar em dúvida, não hesite em contactar nosso suporte técnico através do email: info@robocore.net.

Veja também um vídeo comparando algumas placas Arduino.

Modelo Vin Vpin Clock Digitais Analógicas PWM UART Flash Bootloader Interface de Programação
Arduino Uno - R3 7-12V 5V 16MHz 14 6 6 1 32Kb Optiboot USB via ATMega16U2
BlackBoard UNO R3 7-12V 5V 16MHz 14 6 6 1 32Kb Optiboot USB via FTDI / FTDI
Arduino Leonardo 7-12V 5V 16MHz 20* 12 7 1 32Kb Leonardo USB nativo
Romeo V2.0 7-12V 5V 16MHz 20* 12 7 1 32Kb Leonardo USB nativo
Julieta 7-12V 5V 16MHz 14 8** 6 1 32Kb Optiboot USB via FTDI / FTDI
Arduino Mega 2560 R3 7-12V 5V 16MHz 54 16 15 4 256Kb STK500v2 USB via ATMega16U2
BlackBoard Mega 2560 R3 7-12V 5V 16MHz 54 16 15 4 256Kb STK500v2 USB via FTDI / FTDI
Arduino Mega ADK 7-12V 5V 16MHz 54 16 15 4 256Kb STK500v2 USB via ATMega16U2
Arduino Due 7-12V 3.3V 84MHz 54 12 12 4 512Kb Due USB nativo
Arduino Esplora 5V 5V 16MHz - - - - 32Kb Esplora USB nativo
Arduino Ethernet 7-12V 5V 16MHz 14 6 4 1 32Kb Optiboot USB via ATMega16U2
Arduino Fio 3,3-12V 3,3V 8MHz 14 8 6 1 32Kb AtmegaBOOT FTDI / Xbee
Arduino Micro 7-12V 5V 16MHz 20 12 7 1 32Kb Micro USB nativo
Arduino Pro Micro 5-12V 5V 16MHz 12 4 5 1 32Kb DiskLoader USB nativo
Arduino Pro Mini 3,3V 3,3-12V 3,3V 8MHz 14 6 6 1 32Kb AtmegaBOOT FTDI
Arduino Pro Mini 5V 5-12V 5V 16MHz 14 8 6 1 32Kb AtmegaBOOT FTDI
BlackBoard Pro Mini 5V 5-12V 5V 16MHz 14 8 6 1 32Kb AtmegaBOOT FTDI
*A quantidade de portas no Arduino Leonardo é a mesma que a do Arduino UNO ou da BlackBoard, mas alguns pinos possuem dupla funcionalidade fazendo que a quantidade de pinos seja um pouco maior.
**A Julieta possui 2 entradas analogicas extras no barramento de sensores (A6 e A7)


Para fazer comentários é necessário estar logado. Efetuar login.

Você ainda nao é cadastrado? Cadastre-se agora!


rodrigo.regio
date Enviado: 2018-03-17 16:40:43
Olá, sinceramente, comprei errado a BlackBoard UNO R3 e queria a Arduino UNO R3 (segundo mostra acima não há diferença) podem me dizer a diferença entre as duas??

hallszombie
date Enviado: 2018-03-19 08:12:16
rodrigo.regio
As diferença que existem, são aprimoramentos que a Robocore, fez no projeto da Blackboard com relação ao projeto da Arduino, alguns exemplos são:

-Led indicador de polaridade reversa.
-Regulador que fornece mais corrente no pino de 5v 
-Reorganização dos LEDs RX e TX.
-Uso do chip FTDI, que garante melhor qualidade na comunicação Serial.

Caso algum dos pontos listados não tenha ficado muito claro, recomendo que veja este video https://www.youtube.com/watch?v=3zZ02RxBkWI&t=4s

RogerioDrexel
date Enviado: 2017-03-01 07:18:15
Muito bom, parabéns ! 
Como sugestão, seria interessante colocar o microcontrolador de cada um.

MarceloFarias
date Enviado: 2017-03-01 11:24:09
RogerioDrexel
Ficamos felizes que tenha gostado. Sua sugestão foi anotada para próxima revisão.