LOJA FÍSICA
Praça Mauá, 4541 - Sala 22
09580-050 - São Caetano do Sul / SP
CENTRAL DE ATENDIMENTO
(11) 3522-7626
info@robocore.net
HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO
De segunda à sexta das 9:00 às 19:00
Retornar
ao topo

BlackBoard Pro Mini - 5V/16MHz


Quantidade:
Formas de pagamento:
  • Pague em até 12x no cartão
  • Pague através do PayPal
  • Pague por Boleto Bancário

Finalizou seu projeto usando um Arduino e não quer colocar uma placa completa nele? Esta placa é perfeita para você! Ela é perfeita para ser usada em projetos finais, pois possui o mínimo necessário de um Arduino Uno R3 para funcionar.

Esta é uma das menores placas Arduino já produzidas, ela trabalha em 5V e roda o bootloader do Arduino. Por ser indicada para projetos finais, ela não possui gravador acoplado (justamente para minimizar os custos do projeto), portanto, para carregar um código para esta placa você precisará de uma Placa RC FTDI e um Cabo Mini USB. Para deixar a placa ainda mais versátil, a BlackBoard Pro Mini não possui conectores soldados para permitir que você solde qualquer conector ou fio com qualquer orientação que você precisar.

Recomendamos aos usuários iniciantes no mundo do Arduino que utilizem a placa BlackBoard ou Arduino UNO R3. A placa BlackBoard Pro Mini é designada a usuários que estão familiarizados com a tensão do sistema (5V), que não precisam dos conectores e que sabem que terão que usar um gravador externo (Placa RC FTDI).

Veja um video do produto em funcionamento:


Dimensões:18mm x 39mm
Microcontrolador:ATmega328P
Tensão de operação:5 V (disponível no pino Vcc)
Tensão de entrada (recomendada):7-12 V (pinos Vin e GND)
Tensão de entrada (limites):6-20 V
Pinos de entrada/saída (I/O) digitais:14 (dos quais 6 podem ser saídas PWM)
Pinos de entrada analógicas:8
Corrente DC por pino I/O:40 mA
Memória Flash:32 KB (dos quais 2 KB são usados pelo bootloader)
SRAM:2 KB
EEPROM:1 KB
Velocidade de Clock:16 MHz
Temperatura de operação:de 10 ºC a 60 ºC
Garantia de 6 meses para defeitos de fabricação


Notas:
  • O pino A5 está entre os pinos A4 e 9;
  • Os pinos A6 e A7 são somente entradas analógicas;
  • A alimentação da placa deve ser feita pela USB (via FTDI) ou por uma fonte externa, nunca pelos dois;
  • Programe a placa usando a IDE do Arduino e selecionando o modelo "Arduino Pro Mini w/ ATmega328 - 5V/16MHz".

Não tem certeza sobre qual placa escolher? Veja este video comparativo!



Para fazer comentários é necessário estar logado. Efetuar login.

Você ainda nao é cadastrado? Cadastre-se agora!


Tulho
date Enviado: 2018-04-07 10:28:34
Quando vcs vão ter este produto novamente no estoque

hallszombie
date Enviado: 2018-04-09 08:25:57
Tulho
A previsão é de voltarmos a ter a BlackBoard Pro Mini até a metade dessa semana. Para ser notificado assim que tivermos mais unidades, clique no botão "Notifique-me quando chegar".

marcelorsc
date Enviado: 2018-03-19 13:47:07
Olá, entendi que há necessidade de uso (temporário) da placa RC FTDI para gravar o código nessa placa, via USB. Mas a placa aceita conexão direta de USB para fins de controle (envio de comandos pro dispositivo)? Meu projeto envolverá o controle do dispositivo a partir de um computador via USB - precisarei neste caso manter a RC FTDI como parte do dispositivo para ter essa interface?

Francois
date Enviado: 2018-03-19 15:23:35
marcelorsc
Como a BlackBoard Pro Mini não possui um conversor USB<>UART, você precisará utilizar um módulo FTDI toda vez que quiser fazer a comunicação da placa com o computador (por exemplo para a gravação do código). Caso o seu projeto requeira uma conexão constante, talvez seja melhor utilizar uma BlackBoard (https://www.robocore.net/loja/produtos/arduino-blackboard.html), pois a conexão com a USB ficará mais robusta.

denis.morassuti
date Enviado: 2018-02-27 22:24:19
Qual a corrente máxima que essw Arduino suporta? posso utilizar uma fonte de 9V 1A?

MarceloFarias
date Enviado: 2018-02-28 11:14:51
denis.morassuti
Pode utilizar uma fonte de 7 a 12V com capacidade de corrente necessária para alimentar os periféricos conectados na placa. Uma fonte de 9V 1A atende bem a grande maioria dos casos.

mborelli
date Enviado: 2018-02-07 14:14:14
Tenho um protótipo com a Arduino e uso um LCD com comunicação I2C para registro da leitura de um sensor DHT22. Adquiri uma mini para fazer o projeto final. Como posso alimentar o LCD pela placa mini?

Francois
date Enviado: 2018-02-07 14:27:48
mborelli
Você pode usar o pino Vcc, que é a saída de 5 V da placa.

mborelli
date Enviado: 2018-02-07 14:47:37
mborelli
Eu vejo que há 2 VCCs e apenas um GND. Qual VCC eu uso? A alimentação externa é pelo VIN, Certo?

MarceloFarias
date Enviado: 2018-02-07 15:12:53
mborelli
Você pode utilizar qualquer um dos dois pinos VCCs. De acordo com o esquema elétrico da placa, os dois estão interligados. E sim, a alimentação externa deve ser feita pelo pino VIN. Lembre-se que a tensão de entrada deve ser entre 7 e 12V.

leandrofender
date Enviado: 2018-01-19 23:05:48
e gostaria tbm de saber onde esta o pino 11 digital

MarceloFarias
date Enviado: 2018-01-22 09:45:05
leandrofender
O pino 11 está localizado entre o pino 10 e o 12. Ele realmente não tem a legenda.

leandrofender
date Enviado: 2018-01-19 22:57:37
boa noite eu posso soldar no VIN o mesmo fio do modolo relê de 4 canais junto com o positivo da fonte de 12V?

MarceloFarias
date Enviado: 2018-01-22 09:41:27
leandrofender
Sim, você pode. Mas fique atento para manter uma boa refrigeração da placa, pois com 12V o regulador da placa terá que dissipar os 7V.

SamuelRA
date Enviado: 2018-01-17 18:34:15
Boa tarde!

Existe o arquivo para o Proteus 8, para desenhar exatamente o circuito com as pinagens da BlackBoard Pro Mini?

MarceloFarias
date Enviado: 2018-01-18 09:35:26
SamuelRA
Infelizmente não trabalhamos com o Proteus e não temos tal arquivo.

Leonardosmitas
date Enviado: 2017-11-22 16:16:55
Boa tarde,

Essa placa não possui saída 3.3v?

Francois
date Enviado: 2017-11-22 16:29:10
Leonardosmitas
Não, a única tensão de saída é 5 V (para este modelo).

A BlackBoard Pro Mini é uma versão reduzida da BlackBoard, para projetos com baixo custo e/ou com pouco espaço disponível. Por isso não foram incluídos os componentes de prototipagem, como a conversão USB/UART, o seletor automático de tensão de alimentação, a proteção contra polaridade reversa e o regulador de 3,3 V.

FaaDias
date Enviado: 2017-11-09 19:37:30
Tem alguma noção de quando chegará essa placa?

ViniDj
date Enviado: 2017-11-10 09:42:26
FaaDias
A previsão é para chegar entre o fim desse mês e começo de Dezembro.

gscofano
date Enviado: 2017-11-08 01:14:33
A placa já vem com os pinos?

MarceloFarias
date Enviado: 2017-11-08 09:09:51
gscofano
Não. A barra de pinos deve ser adquirida separadamente: https://www.robocore.net/loja/produtos/barra-de-40-pinos-macho-180.html

juliano1234ab
date Enviado: 2017-11-07 17:03:05
olá tem como ligar um modulo HC-05 (https://www.robocore.net/loja/produtos/modulo-bluetooth-hc-05.html)
nessa placa mini usando um Arduino Shield - Pro Mini Screw Shield (https://www.robocore.net/loja/produtos/pro-mini-screw-shield.html) ?

Francois
date Enviado: 2017-11-07 17:32:08
juliano1234ab
A placa Screw Shield é apenas um adaptador para facilitar as conexões com a Pro Mini por meio de bornes rosqueáveis. Você pode então usá-la junto com uma BlackBoard Pro Mini para conectar um módulo Bluetooth HC-05, basta ligar o módulos nos pinos correspondentes. Note que não há nenhum barramento dedicado para o HC-05, ou seja, você deverá conectar os pinos um a um.

john.p
date Enviado: 2017-09-15 20:21:41
Ola boa noite 
gostaria de saber, por exemplo,  eu monto um projeto e passo para essa placa certo, esse projeto poderia ser comercializado? feito com aplaca pro mini. 
att

hallszombie
date Enviado: 2017-09-16 09:14:19
john.p
olá john,

Não há problema em comercializar seu projeto, mesmo que esteja usando a placa pro mini.

jeffersonmacapa
date Enviado: 2017-09-08 10:31:04
Bom dia, posso ligar uma fonte 12vcc 3A na blackboard mini?

hallszombie
date Enviado: 2017-09-08 10:50:04
jeffersonmacapa
Sim, não há problemas em alimentar a placa com uma fonte de 12V, como pode ser observado nas informações técnicas do produto a placa pode ser alimentada com fontes de 7 a 12V.

wiluxaju
date Enviado: 2017-08-31 08:47:13
Bom dia pessoal, tem previsão de retorno do estoque da Pro Mini?

Francois
date Enviado: 2017-08-31 11:15:48
wiluxaju
Amanhã devemos ter mais unidades em estoque. Você pode se cadastrar no link &#39;notifique-me quando chegar&#39; para ser avisado por e-mail quando repormos o estoque.

odoia
date Enviado: 2017-08-05 01:44:57
gostei da placa ela e do tamanho que eu preciso atualmente rodo meu projeto em uma blackboard so que o consumo esta muito elevado.
tente usar uma nano mais xing-ling para teste e tem me dado só dor de cabeça então estou a procura de algo que funcione.
como faco para gravar os skets nessa placa ?
apos validar meu projeto em uma nano ele ficaria redondo nessa placa ou precisa de modificações ?
possuo a placa de altitude MPL3115A2 e um giroscópio essa placa suportaria sem delay ou travamentos?
saberia me dizer o consumo desta placa ?
Obrigado

ViniDj
date Enviado: 2017-08-05 09:57:44
odoia
Para gravar sketches nessa placa basta soldar uma barra de pinos nos conectores para comunicação (header de 6 pinos na extremidade da placa, oposta a onde tem o botão) e conectar uma placa RC FTDI para gravação. A placa RC FTDI só precisa ficar conectada durante a gravação do código. Uma vez gravado o código pode ser desconectada. Caso tenha uma BlackBoard você pode usar ela como placa FTDI, basta remover o chip ATmega328 da BlackBoard V1.0 e pronto, ela já passa a funcionar como a placa RC FTDI, bastando soldar os pinos adequados para conexão e comunicação (6 pinos entre conector USB e conector de fonte externa). 
Acredito que o código que roda no Nano poderia rodar na Pro Mini sem modificações visto que o chip do Arduino Nano, pelo menos do italiano, é também o ATmega328, mesmo da Pro Mini e da BlackBoard comum.  
Em relação a processamento, ela tem exatamente o mesmo processamento da BlackBoard comum, portanto se funcionar na BlackBoard maior, vai funcionar na Pro Mini. O consumo dela é menor que o da BlackBoard comum por não possuir a mesma quantidade de componentes.

jeffersonmacapa
date Enviado: 2017-06-29 16:08:41
Boa tarde no tutorial da torneira automática eu posso usar uma vávula solenoide de 12vcc que tenho aqui e ligar na minha blackboard mini os 12vcc no GND e VIN os 12vcc?

ViniDj
date Enviado: 2017-06-29 16:52:21
jeffersonmacapa
Não, você precisaria ligar um módulo relé na Pro Mini para chavear uma tensão de 12V para a válvula.

baretta
date Enviado: 2017-06-15 10:03:38
Precisa gravar bootloader nessas placas, ou é só passar o sketch direto via FTDI?

MarceloFarias
date Enviado: 2017-06-19 12:30:09
baretta
As placas são enviadas já com o bootloader gravado. 

donadoni2007
date Enviado: 2017-06-08 11:52:45
bom dia me tira uma duvida ,qual a diferença entre arduino pro mini e arduino nano?

ViniDj
date Enviado: 2017-06-08 13:05:01
donadoni2007
O Pro Mini é ainda menor que o Nano, pois o Nano possui na mesma placa o conversor USB-Serial enquanto que o Pro Mini não. O Pro Mini é indicado para aplicações finais, no projeto final. Já o Nano é indicado para protótipos, como um UNO ou BlackBoard comum, já que se você usar ele num projeto final vai sempre haver uma parte que nunca será usada (que é justamente a parte do conversor USB-Serial). 

gehrke
date Enviado: 2017-06-05 22:55:43
Previsão para antes do Winter Challenge?

MarceloFarias
date Enviado: 2017-06-06 09:44:08
gehrke
Amanhã já teremos novas unidades em estoque.

gehrke
date Enviado: 2017-06-09 13:49:10
gehrke
Estou no aguardo

ViniDj
date Enviado: 2017-06-09 17:51:06
gehrke
Infelizmente tivemos um problema na produção dessa placa e o prazo de retorno acabou ficando pro começo da semana que vem.

BrunoMalezan
date Enviado: 2017-05-31 15:29:18
Entendi... No Schemath agora... Tem a JP1, para que serve? E porque em vez de RESET, está DTR? (Estou quase comprando a pro mini, mas primeiro preciso entende-la. Ahuehuehue)

Francois
date Enviado: 2017-05-31 16:00:46
BrunoMalezan
JP1 é o barramento FTDI para programar a placa.
DTR é um dos sinais de controle de fluxo para programar a placa, que está conectado ao sinal de reset do microcontrolador por um capacitor.