CENTRAL DE ATENDIMENTO
De segunda à sexta das 8:00 às 17:30
(11) 3522-7626 / vendas@robocore.net
Retornar
ao topo

Retropie Arcade



Produzidos a partir dos anos 70, os Arcades influenciaram a vidas de muitos, apresentando vários clássicos que deixaram saudades. Para relembrar os velhos tempos, este tutorial apresentará como montar e configurar um arcade usando uma Raspberry Pi.

Este tutorial apresentará:
Itens necessários:

  1. Instalação do Retropie + Retrogame:

  2. A instalação do Retropie + Retrogame é importante, pois este sistema tem alterações que habilitam os pinos digitais da Raspberry como teclado, assim o sistema interpretará o acionamento de cada I/O como uma tecla.

    Instruções:
    1. Baixe Retropie + Retrogame aqui.

    2. Obs: Não se esqueça de verificar se o sistema que está baixando é compatível com sua versão da Raspberry Pi. Para quem está usando a vesão 3 da placa, dê preferência para a versão mais atual (3.8.1) pois possui mais correções de bugs.

    3. Instale o sistema seguindo o procedimento 2 do tutorial "Instalando Ubuntu na Raspberry Pi" usando o Retropie no lugar do Ubuntu.

  3. Configurações do sistema :

  4. Esta etapa consiste em configurar quais comandos (teclas) serão lidos quando uma porta digital é acionada e como interpretá-los. Por isso o primeiro passo é verificar quais comandos estão relacionadas aos pinos da Raspberry.

    Instruções:
    1. Quando ligar a Raspberry Pi pressione a tecla F4 para acessar o Terminal.

    2. Acesse o arquivo "retrogame.c", digitando no terminal: "cd Retrogame" depois "sudo nano retrogame.c"


    3. No arquivo retrogame.c:
      Desça até a linha 94. - OBS: Para verificar a posição atual do cursor pressione as teclas "Ctrl + c ".


    4. Anote os pinos e as teclas correspondentes.

    5. Pressione "Ctrl + x" para sair do arquivo.
    6. OBS: É POSSÍVEL EDITAR OS PINOS DIGITAIS E OS COMANDOS. Depois de realizar as alterações apenas pressione "Ctrl + o" (salva as alterações do código), saia do arquivo e digite "make".

      Depois de verificar os pinos e os comandos correspondentes, será necessário acessar o arquivo "retroarch.cfg", responsável pela interpretação de comados de todos os consoles que o sistema pode emular.

    7. Acesse o arquivo "retroarch.cfg", digitando no terminal: "cd /opt/retropie/configs/all" e logo em seguida "nano retroarch.cfg".

    8. No Arquivo "retroarch.cfg":
      Desça ate a linha 427.


    9. Altere os comandos (entre aspas) conforme o arquivo "retrogame.c", tirando "KEY_" e escrevendo tudo em letra minúscula. A adição de outro jogador é muito simples, basta adicionar mais inputs trocando "player1" por "player2", como a imagem abaixo.


    10. Saia do arquivo, pressionando "Ctrl + x".

    11. Então pressione "y" para confirmar.
  5. Adição de jogos

  6. O RetroPie consegue emular jogos de diversas plataformas, mas o sistema não contem nenhum jogo, por isso será necessário gravá-los.

    Para isso siga os passos do tutorial "Configurando o RetroPie."
  7. Montagem

  8. Tendo em vista que a estrutura de um Arcade pode ser construída de diversas formas, esta parte do tutorial será focada apenas nos componentes eletrônicos do arcade, fornecendo alguns exemplos de montagem.
    • Estrutura

    • Como apresentado acima, existem várias formas de montar um arcade. Contudo os modelos mais interessantes que podem ser tomados como referência são Fight Stick V3, RetroPie Gaming/Arcade System ou o PiRetrocade (projeto feito com uma caixa de papelão), pois todos compartilham uma característica interessante, a possibilidade de ser ligado a diversos televisores e por ser portátil se comparados aos arcades tradicionais.
    • Cabos

    • Atenção:
      Todos os procedimentos abaixo devem ser realizadas com a placa DESLIGADA, pois curtos ou ligações incorretas com a placa ligada podem ocasionar DANOS irreversíveis à placa.

      Tendo em vista uma montagem mais simples e fácil, todos os pinos foram configurados como pull-up, evitando assim o uso de resistores externos. Dessa maneira os botões são ligados ao GND e ao seu respectivo pino digital como a imagem abaixo.

      Exemplo de ligação com 4 botões.


      Instruções:

      Primeiramente monte o cabo GND comum a todos os botões e joysticks, tendo como base a imagem abaixo, interligando os cabos usando o conector faston e soldando um jumper fêmea para ligar os cabos aos pinos da Raspberry.
      Obs: Para evitar qualquer problema de curto-circuitos na junção do jumper com o cabo, use termoretrátil de 2,5 mm ou fita isolante.


      Anote as configurações realizadas nos arquivos "retrogame.c" e "retroarch.cfg". Estas configurações são importantes, é baseado nelas que saberemos quais pinos digitais devemos ligar os botões e os joysticks.
      Usando a imagem abaixo como exemplo, podemos verificar que o botão "a" do player 1 deve ser conectado ao I/O 22.

      "retrogame.c" à esquerda e "retroarch.cfg" à direita.

      Quando for ligar os botões, use a imagem abaixo para localizar as portas digitais ou gabaritos que podem ser colocados na placa como este.

      Fonte: https://www.raspberrypi.org/documentation/usage/gpio-plus-and-raspi2/


  9. Depois de montar os cabos e ligá-los a Raspberry, conecte o cabo HDMI a um televisor, energize a placa e o arcade estará pronto.


Para fazer comentários é necessário estar logado. Efetuar login.

Você ainda nao é cadastrado? Cadastre-se agora!


mambstardust
date Enviado: 2019-02-20 02:03:19
Então, eu tô planejando fazer um game parecido, só que portátil, nas proporções de um PSP, mais ou menos, mas usando um Orange Pi PC. Eu não entendo nada de eletrônica, mas tô afim de aprender, principalmente porque eu vi que é fácil fazer um vídeo game com esses mini computadores, logo eu tenho algumas dúvidas kkkkk. Eu vi um vídeo de um cara fazendo um portátil usando arduíno pra os controles e joysticks, entre outras coisas, até placa mãe. Ele ensina passo a passo, mas era algo bem complexo, mas que dá pra faz. Eu tentei achar placas genéricas com os controles já pré prontas, só faltando colocar no rasp, mesmo, mas não achei, só de outros consoles, tipo PSP e 3DS. Quando tinha, era tipo gameboy color. Será que do jeito que eu tô querendo fazer tem como fazer direto no orange pi, Como Voce fez, ou tem que ter o arduíno e todo o resto? Eu posso seguir esse projeto, só mudando o joystick pra um d-pad e os botões de comando pra botões menores? Eu tenho em mente por 6 botões de comando, pra ter mais compatibilidade com alguns consoles, um joystick e um d-pad, fora o resto dos botões de start, select, e talvez um botão que de acesso ao menu, como no psp, mas só se for viável, também não posso tentar dar um passo maior que minha perna kkkk. A tela e a bateria que eu queria usar é de um celular antigo meu, um Sony Xperia E3, será que seria viável? Esse sistema aí de emuladores é compatível com o orange pi? Muito obrigado

Giovanni5
date Enviado: 2019-02-20 12:49:00
mambstardust
O sistema RetroPie deste tutorial não deve ser compatível com a Orange Pi, pois trata-se de um software criado exclusivamente para Raspberry Pi. A Orange Pi deve ter algum software semelhante para exercer essa função. Em relação aos controles, display e bateria, é necessário estudar a fundo a compatibilidade de cada componente com a Raspberry Pi, ou Orange Pi no caso, isso irá depender de cada componente separadamente.

Giovanni5
date Enviado: 2019-02-20 13:09:00
mambstardust
Em breve teremos a ASUS Tinker S na loja, que é sensacional para emuladores de jogos já que possui 2GB de memória RAM, 600MHz de GPU e 16GB de memória embutida (eMMC), características que deixarão seu jogo mais fluído e rápido.