LOJA FÍSICA
Praça Mauá, 4541 - Sala 22
09580-050 - São Caetano do Sul / SP
CENTRAL DE ATENDIMENTO
(11) 3522-7626
info@robocore.net
HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO
De segunda à sexta das 9:00 às 18:30
Encontre um distribuidor perto de você
Retornar
ao topo

Classifique este tópicoPéssimoRuimMedianoBomÓtimo
Autor
Mensagem

brunofelipegs

Level 0
567911 xp

Registrado em:
23/03/2016



Equipe:
Uai!rrior

Mensagens:
6

brunofelipegs

Responder com citações
Mensagem Dom Nov 11, 2018 2:41 am
Melhorias Winter Challenge - Estrutura
Saudações entusiastas da robótica ! 

Meu nome é Bruno, mas quem me conhece aqui nesse cenário me chama de  Pichu , sou capitão da mecânica na Equipe Uai!rrior e estou a 3 anos nessa empreitada. A maioria dos membros ativos do fórum não deve me conhecer, até por que entrei pra guerra na era das informações voláteis e grupos de whatsapp e estou aqui pois sei que aqui foram levantadas, discutidas e motivadas as maiores mudanças na Guerra de Robôs do Brasil e no cenário da robótica brasileira, e exclusivamente nesse post falarei da Winter Challenge.


Gostaria de citar aqui alguns problemas que percebi com a evolução da competição nas três edições que participei, e que hoje estão se tornando insustentáveis e bloqueios para a evolução da competição. Não vou ser só mais um reclamão, também levantarei possíveis soluções, mas o intuito do post é fomentar a discussão, transparecer a insatisfação dos competidores/organizadores e tentar melhorar e engrandecer JUNTOS o evento que particularmente é uma das melhores experiencias que ja tive !

Instalações e Espaço

- A competição nunca foi tão grande, e hoje enfrentamos (principalmente falando pela Uai!rrior com atuais 44 membros e 23 robôs inscritos no último winter) muitos problemas com espaço. 
 Sabemos que as mesas são dispostas de acordo com a quantidade de robôs inscritos mas acredito que todas equipes com mais robôs sabem do problema que é acomodar todos nas bancadas. Não estou falando de cadeira pra sentar, mas sim espaço pra trabalhar em robôs.

Nesse último winter nossos autonomos (que não são muitos se comparar a outras equipes) tiveram que ser trabalhados fora de nossas mesas em muitas vezes (arquibancada, campo, etc), e sei que muitas equipes fizeram o mesmo. Já chegamos a montar os hockeys na arquibancada também, mas por exemplo esse ano em alguns momentos foi insustentável em questão de espaço, com robôs seguindo pela chave dos perdedores e lutas acontecendo, energia das tomadas caindo, arquibancadas lotadas impediam a válvula de escape ... 

Tínhamos pessoas para trabalhar mas não tínhamos espaço e as vezes faltava energia para as ferramentas.
Já entrando em méritos de instalação elétrica, não sou da área e inclusive admito mau uso muitas vezes, mas ocorreu muitas quedas de energia. Nossa bancada ficou de frente pra Thunderatz e caiu a energia inúmeras vezes. Seguimos a competição mas sabemos a falta que faz em determinados momentos, posso dizer que demos muita sorte em momentos como esses. 

Ainda sobre espaço, tivemos problemas até com as equipes vizinhas (muito por culpa nossa) de invasão de espaço, as vezes apenas por passar no corredor, mas creio que cada equipe se planeja para trabalhar com a certa quantidade de membros e sabe que é essencial a presença de todos lá. Não queremos limitar as inscrições em número de pessoas pois o evento é feito para as pessoas e isso não faria sentido, mas um espaço maior para as pessoas também seria muito bom para experiencia.

Sobre esse problema de espaço para membros, acredito que todos que tiveram que usar a área de trabalho externa para ferramentas abrasivas e afins sabem do que eu estou falando: Esperar meia hora para desocupar uma tomada, não conseguir esmerilhar uma peça sem encher o colega de faísca e cavaco, e inclusive ficar perplexo com a falta de segurança de alguns competidores que acabavam por botar em risco a integridade do outro (como cortar plastico com disco de corte abrasivo para metal na esmerilhadeira, arriscando explodir o disco e colocar outras pessoas em risco)

Sabemos que a competição tem ocorrido na Mauá e que a faculdade fornece um apoio bom para a competição mas o ginásio está pequeno para a competição (apesar de ser um dos maiores em que já entrei).
Esses foram alguns problemas que passamos por, e gostaria também de sugerir soluções e sugestões (minha perspectiva é de competidor, cada um sabe onde o calo aperta e só a organização saberá o que é cabível ou não, mas nosso dever é lutar sempre pelo melhor)

Sugestões:

- Separar os ginásios/área para combate e autônomos: Na robogames ocorria assim e sabemos que de certa forma o trabalho dos autônomos é diferente do trabalho no combate, cada um com sua peculiaridade, mas o espaço que eu preciso para colocar um computador para programar é o mesmo que preciso para colocar um beetle e trabalhar nele com as ferramentas, e ambos espaços são essenciais. A criação de uma tenda maior no campo (se continuar na Mauá) ou outro ginásio (como foi em Lavras em 2015) abriria muito espaço para mesas, que já melhoraria muito o trabalho. Mais espaço resulta em mais mesas e corredores, que resulta em melhor experiencia pros competidores, menor limitação nas inscrições, maior quantidade de robôs e inscritos e consequentemente um evento maior e melhor. Novamente, essa é uma sugestão, acredito que tenha problemas sim esses tipos de disposição, mas o post é justamente pra isso, discutir para melhorar.

- Uma área maior com mais tomadas para trabalho de ferramentas abrasivas e de usinagem que precisam de um espaço maior sem prejudicar a integridade dos competidores. O proprio corredor onde isso ja ocorre, se tivesse uma ou duas mesas a mais com tomadas 220 e 110 já melhoraria demais ! Um acesso diferenciado por parte dos competidores também seria bom, tinhamos muitas dificuldades por ter que passar pela plateia para ir para fora com as ferramentas, principalmente durante lutas que sempre tinham competidores indo e voltando para as arquibancadas e uma só catraca para isso tudo.

- Acredito que a competição acontecer na Mauá é muito cômodo por que há anos que acontece lá, todos estão acostumados com a logística, mas as vezes para crescer a competição seja preciso sair da zona de conforto (equipes e organização). Por ser dentro de uma universidade talvez há certas barreiras, mas acredito que a competição é muito propícia a ter parceiros e patrocinadores !

O Winter é maior competição de robótica da América Latina, desenvolve e fomenta o desenvolvimento tecnológico e é celeiro de potenciais profissionais competentes. Acredito que haja uma certa dificuldade em recursos humanos, mas de repente se a organização (Robocore, staff e parceiros) buscar ativamente parceiros, dar um foco especial para o evento e realmente gastar energia nisso possa trazer parcerias que ajudem a fechar o balanço de contas (que sabemos que é um grande limitante) e isso ajudaria a melhorar tudo que já citei aqui (afinal, tudo envolve dinheiro) e imagino que não seja tão difícil (apenas visão de fora) pois vemos competições pequenas sendo incentivadas por empresas grandes, um evento do tamanho da Winter tem um grande potencial pra isso ! Antigamente havia patrocínio da DeWalt e NSK com a competição, certo ? Essas grandes empresas tem verbas destinadas a isso (eventos, equipes, pesquisas), inclusive me lembro de algumas quando era membro da gestão em que não patrocinavam equipes mas tinham propostas especiais para eventos (como 3M e Bosch).

A Winter Challenge é o maior evento aberto de robótica da américa latina, está em suas maiores proporções, e diante do "fim" da Robogames vejo potencial para ser o maior evento aberto do mundo ! A guerra de robôs, principalmente no Brasil, nunca esteve tão em alta, devido bom desempenho dos brasileiros nos reality shows, competições internacionais, aumento de eventos menores, entre outros fatores... Acredito que a maioria dos que participam/já participaram do evento e gostaram, desejam melhorias para o evento se tornar cada vez maior, proporcionando experiencias maiores e melhores ainda ! 

Esse post em especial foi destinado para discussões sobre a estrutura do evento, e inclusive estou fazendo um texto para criar um tópico sobre discussões sobre a competição em si (categorias, regras, arenas, jurados e afins). Peço que haja a coerência com o assunto para não debandar para outros lados e tornar produtiva a prosa. Estamos em Novembro de 2018, então até a Winter acontecer temos um tempo bom para discutir bastante e prover melhorias sem problemas de cronograma !

Segue o link de grandes discussões criadas através de tópicos que serviram ativamente para mudanças ocorridas, e que me baseei para escrever esse texto

https://www.robocore.net/...opic&t=5064 - Discussão sobre o fim da Middle e adição da Ant na competição

https://www.robocore.net/...sc&start=30 - Carta de Protesto WC08
https://www.robocore.net/...opic&t=3162 - Debate e Regras sobre bonificação de armas

Mais uma vez, estou aberto a discutir e argumentar sobre o assunto de forma coerente e construtiva.

Abraços,

Pichu

_________________
Bruno Felipe Guimarães
Graduando em Engenharia Mecânica pela Universidade Federal de Itajubá.
Capitão da Divisão Mecânica na Equipe Uai!rrior de Robótica
Build the best, destroy the rest !.

sigma

Level 27
27037781 xp

Registrado em:
22/05/2006

Local:
Rio de janeiro / RJ

Equipe:
SIGMA

Mensagens:
873

sigma

Responder com citações
Mensagem Dom Nov 11, 2018 8:20 am
Melhorias Winter Challenge - Estrutura
Pichu, sua iniciativa foi interessante.principalmente por postar no forum que ja anda morto faz tempo... ao menos pros combates. rs Mas tinha outra ideia da sua postagem... Não me leve a mal, de verdade, estou ha uns 13 anos nesse evento e sei de muuuuita coisa q ja rolou, sei o quanto a organização trabalha pra melhorar a cada evento. Mas sei de algumas dificuldades tbm.

Entendo a reclamação relativa ao espaço. Lógico que seria ótimo termos todos mais espaço pra trabalhar. mesmo sendo apenas uma pessoa, tbm passo por esse problema, pois não levo apenas 1 robô, sempre mais. Fora que são muitas ferramentas tbm.

As suas sugestões são basicamente o que vc criticou antes:
* Não tem espaço -> consigam mais espaço; 
* Pouco espaço pra área de abrasivos -> mais espaço e tomadas;
*Não tem dinheiro p evento maior -> consigam dinheiro.

PARTICULARMENTE, acho que seria interessante estudarmos soluções tbm. nao adianta apenas dizermos o que todo mundo já está cansado de saber... Prinncipalmente a organização. Se o evento ocorre na MAUA, deve ser porque eles ja tem uma negociação e conseguem construir o evento todo ali a custo bom. Fora que a robocore fica do outro lado da rua... então até a logística de transporte de todos materiais fica mais em conta.
td mundo adoraria ter espaço de sobra pra trabalhar, mas sei que isso é dificil. O ginasio da maua eh muito grande. mas o evento cresce a cada dia tbm... conseguir um espaço maior, com boa estrutura, rede elétrica, etc, onera custos, e são bem altos. Se alguem souber de algum espaço assim, repassem pra ROBOCORE, com certeza eles tem interesse.

Hoje sei que muitas equipes reclamam do preço das inscrições, dizem ser muito alto e que isso dificulta muito, principalmente para equipes grandes que ainda tem custo grande de transporte. Mas temos que pensar tbm que pra termos uma estrutura maior precisamos de alguem que pague por isso, pois não é justo a robocore tirar dinheiro do proprio bolso pra bancar nossa diversão, td mundo sair feliz e eles sairem falidos. rs

Com certeza a Robocore é quem tem maior interesse em ter um espaço maior, mais estrutura, e tudo mais. O evento é deles, quem nao gostaria de ver crescer!?

Então, como disse, acho importante postarmos tbm SOLUÇÕES. O interesse é de todos! não podemos simplesmente reclamar q não temos isso ou aquilo e jogar na mão deles e fod@se, se virem.

MINHAS SUGESTÕES (enquanto não temos soluções pros outros problemas... Rolling Eyes )

EU quero muito que o evento cresça cada vez mais! Mas a experiencia me mostra que infelizmente tbm existem alguns problemas. Lidar com pessoas é uma tarefa dificil. Imagina com a quantidade de gente num evento desses. 
Hoje tem, e sempre terão, pessoas que acham: ahhh, to pagando pro evento, q se fod@, posso destruir mesas, etc. Só que isso tbm sai do bolso da robocore. 

Outra coisa que até hoje acontece é que a maioria das equipes ainda deixa de levar robo pronto... Chega no dia da inspeção e vira um chaos. corre pra la e pra cá, resolve isso, resolve aquilo, fechar robo, esqueceu o led, volta tudo, abre tudo, bota led, testa, leva p inspeção, liga na arena, não anda... volta tudo... e por aí vai. Eu curto essa adrenalina de terminar no evento, mas tem 2 anos q to curtindo uma paz incrivel chegando no winter com eles prontos. A organizaçã das proprias equipes tbm pode ajudar num melhor andamento do evento enquanto não tivermos um espaço melhor pra trabalhar. 

To cansado de ver gente que quer ficar com óculos de proteção na testa, como se fosse onda, só pq é proíbido. É uma regra, a organização não deveria ter q ficar preocupada com isso. As proprias equipes deveriam conscientizar os membros do que pode acontecer... e não digo relativo a integridade física, até pq ninguem é tão burro de não saber o que pode acontecer se não se proteger, mas digo relativo ao evento! Gente... se a galera não se protege pode ocorrer algo grave, até letal! e isso traria o fim da competição. Graças a deus nunca ocorreu nada assim, mas ja vi alguns incidentes que poderiam ter levado a isso.
Carregar baterias fora do liposack... 

Outra coisa que toda hora aparece... no ultimo winter, durante a palestr inicial do evento teve fogo numa bancada... gente... a organização não é feita de babás p ficar tomando conta de tudo. as equipes devem ser conscientes!!!

Esse ultimo winter vi mais uma coisa que me deixou chocado... não permitiram o uso de ferrramentas, como grampo de pressão, sargento, etc, para trava de arma de beetle. Num evento em que somos,na maioria, estudantes de engenharia ou técnicos, o que temos que fazer??? cruzar o braço e ficar reclamando com a organização???  não... temos de DAR SOLUÇÕES. Eu vi algumas equipes que arrumaram problema com isso... Gente... qual a dificuldade em dar uma solução? 

Bem... por fim... o que quero dizer é que todos queremos ver o evento crescer e evoluir, mas pra isso TODOS temos que colaborar!

como ja disse, EU QUERO QUE O EVENTO CRESÇA  E MELHORE! então AJUDEM O EVENTO A CRESCER E MELHORAR TBM! 

TODOS PRECISAMOS FAZER NOSSA PARTE!

E é isso... bom voltar ao forum depois de anos...  Very Happy

_________________
LÉO SIGMA

A EQUIPE MAIS UNIDA DO BRASIL!!! =)

Robôs:
- Sabão de Coco - 54,4kg
- Brutus - 13,6kg
- Vortex - 5,44kg
- Hockey Bot - 5,44kg

tenicoleti

Level 8
8310618 xp

Registrado em:
11/04/2010

Local:
Itajuba / MG

Equipe:
Dinotronics

Mensagens:
195

tenicoleti

Responder com citações
Mensagem Dom Nov 11, 2018 8:30 am
Melhorias Winter Challenge - Estrutura
Que lindo, uma discussão no Forum isso me lembra 2010 😍😍

_________________
Visitem: http://www.thalesnicoleti.blogspot.com/

Thales Eduardo Nicoleti
Engenharia elétrica - UNIFEI
Universidade federal de Itajubá
EQUIPE - UAI!RRIOR








sigma

Level 27
27037781 xp

Registrado em:
22/05/2006

Local:
Rio de janeiro / RJ

Equipe:
SIGMA

Mensagens:
873

sigma

Responder com citações
Mensagem Dom Nov 11, 2018 10:13 am
Melhorias Winter Challenge - Estrutura
tenicoleti Escreveu:
Que lindo, uma discussão no Forum isso me lembra 2010 😍😍
Notalgia total! Razz

_________________
LÉO SIGMA

A EQUIPE MAIS UNIDA DO BRASIL!!! =)

Robôs:
- Sabão de Coco - 54,4kg
- Brutus - 13,6kg
- Vortex - 5,44kg
- Hockey Bot - 5,44kg

Delay8ms
Moderator
Level 31
31012004 xp

Registrado em:
29/08/2010

Local:
Rio de Janeiro / RJ

Equipe:
ODDBotz

Mensagens:
639

Delay8ms
Moderator
Responder com citações
Mensagem Dom Nov 11, 2018 11:35 am
Melhorias Winter Challenge - Estrutura
Pichu.

Primeiramente parabéns pela iniciativa. Trazer uma discução bastante válida para o fórum foi um escolha acertada pois aqui tudo fica registrado.

Assim como o Sigma to nesse barco a muito tempo, fui a todos os Winter Challenge des de 2006, des da era pré RoboCore quando era "Guerra de Robôs". Pude ver ao vivo como competidor tanto pela RioBotz quanto pela ODDBotz a tamanha evolução do evento. Em 2006 as informações eram escondidas, equipes cobriam os robôs. Lembro de estar fazendo uma filmagem do evento deslumbrado, filmando tudo e um integrante de uma das equipes pediu para eu parar de filmar, achei até que ele queria me bater, mas o pessoal antigo da RioBotz conteve a situação 😂. Hoje é tudo mais dinâmico, equipes trocam informações numa boa e isso contribuiu exponencialmente para a melhoria do esporte, o que começou na era pós tutorial, na qual tenho orgulho de ter feito parte.

A questão do espaço e de patrocinadores é bem mais complicada que parece. Por muito tempo a RoboCore teve prejuízo com a competição, mesmo na era onde tinha Dewalt e NSK. É muito dinheiro que rola para fazer um evento desse porte, e pelas proporções que está tomando precisaria de algo maior que um ginásio. Portanto quem tiver um contato ou alguma ideia de lugar, por favor, informe a RoboCore!

Eu como sempre tento mediar conflitos e problemas, várias vezes negociei com equipes (com ajuda dos staffs do evento) sobre liberarem a passagem. Muitas vezes as equipes grandes nem se dão conta, mas acabam se espalhando e bloqueando os corredores. Acredito que a solução para isso seja disciplina e postura de cada equipe. O capitão deve ser o responsável por organizar sua equipe impedindo que isso aconteça.

Quanto a superlotação de pessoas, creio que tem que ter um bom senso de cada equipe, também sei que muitos querem participar do evento porque gostam muito, mas o número de pessoas nos boxes deve ser apenas suficiente para reparar os robôs. No Winter 2017 eu via 12 pessoas da Uairrior fechando o Federal e umas 10 ou 12 da RioBotz fechando o Touro Light enquanto eu sozinho naquele ano fechei o SCRAP mais rápido. É claro que cada projeto é diferente, mas isso mostra que as vezes gente de mais atrapalha! Acho que podem ir sim todos da equipe, mas que haja um revezamento nos boxes, o que traria mais ordem ao evento, e uma equipe mais descansada, assim as pessoas teriam tempo ate de comer com tranquilidade!

A segurança e responsabilidades de todos! A quase totalidade é maior de idade e responde pelos seu atos, façam jus a isso! Se fiscalizem e fiscalizem os colegas. Em hipótese alguma deve ser tolerado desrespeito aos staffs do evento!!! Eles nem deveriam ter o papel de cobrar uso do EPI.

A queda de energia creio que foi mais devido a demanda muito grande desse ano, e mais uma vez esbarra em termos uma estrutura maior.

Espero ter contribuído em algo com minha experiência e conhecimento. Estou na busca de um possível solução de espaço para a RoboCore, e sugiro que todos façam o mesmo. A galera está de parabéns pelo alto nível que isso tudo se tornou, está cada vez mais difícil saber quem vai ganhar.

Abraço a todos
Delay

_________________
ODDBotz

Just for Fun


Última edição feita por Delay8ms em Sex Nov 23, 2018 6:54 am; editado 3 vezes no total

brunofelipegs

Level 0
567911 xp

Registrado em:
23/03/2016



Equipe:
Uai!rrior

Mensagens:
6

brunofelipegs

Responder com citações
Mensagem Dom Nov 11, 2018 1:52 pm
Melhorias Winter Challenge - Estrutura
Sigma,

Obrigado por fomentar a discussão !

Sobre os pontos que você levantou, as "soluções" que levantei são um pouco obvias, mas cabe a Robocore decidir e ver se são válidas. Se uma empresa oferece um serviço, o cliente deve reclamar para que a empresa tenha conhecimento que deve melhorar o produto, para não perder seu cliente e conseguir outros, certo ? 

Problemas envolvem processo iterativo, nesse caso de levantar as dores do competidores e procurar soluções, e depois encontrar os problemas destas soluções para a organização, e assim por diante para afunilar as ideias. Mas tudo isso no fim, só depende da Robocore, até mesmo o ato de recrutar pessoas dispostas a ajudar.

A questão de espaço, como o Delay disse, é preciso sugestões de local e tal, mas cabe a organização ir atrás e ver a viabilidade, por exemplo um centro de convenções em São Paulo mesmo para não ir tão longe assim. Quanto mais longe, mais gastos. Se o lugar é maior, mais gastos.

Por isso sugeri a busca por parcerias, as equipes sobrevivem assim ! Muitas vezes o apoio para equipes universitárias param na Universidade, por isso imagino que a Robocore como empresa possa conseguir isso de maneira mais fácil (continua difícil). Eu tenho consciência que a empresa deve correr atrás de coisas do tipo, mas eu não tenho noção do que pode dificultar para que essas parcerias não se estabeleçam e assim poder sugerir melhorias ! Eu dei o exemplo de duas empresas, mais NSK e DeWalt que já foram parceiras, quem sabe não voltariam a ser ? 

Aqui na Unifei tem um projeto de competição de Drones, a Black Bee, que foi a primeira Equipe de Drones do Brasil e a competição deles é fora do Brasil, porém junto com a SAE Brasil conseguiram promover uma competição de drones autônomos para estudantes de ensino médio (IFs, Escolas tecnicas e afins)

http://portal.saebrasil.o...asil-helidesign

Eles ofereceram treinamento para o surgimento de novas equipes e a Black Bee em si se tornou uma mentora do evento, esse ano teve a segunda Edição aqui na Unifei e ocorreu com o apoio da SAE Brasil e outras empresas. Foi algo muito diferente e pequeno se comparado com o Winter, mas o ponto que eu quis exemplificar é a de parcerias e quem sabe a SAE.

Sabemos que a SAE promove os maiores eventos de competição tecnológica no Brasil e no Mundo, e que assim como a Robocore, é idealizado por pessoas que já passaram em outra época como competidores e entusiastas do esporte. Acredito que não seja viável nem possível a Guerra de Robôs virar uma competição da SAE, mas vejo a possibilidade de como foi feito a competição de Drones: A Robocore seria como a BlackBee, a idealizadora da competição (sempre foi) e a SAE seria uma apoiadora com estrutura, grana ou qualquer coisa que fosse. Só de ter o nome da SAE vinculado ao evento já seria um grande diferencial na hora de fechar maiores parcerias. 

Falei muito de parcerias e parcerias e etc etc ... tudo isso eu sei que demanda muito trabalho, mas é que pro Winter melhorar e ficar maior, não vai ser fácil nem simples, mas é com a premissa de tornar o evento uma experiência melhor ainda ! Não queremos ver a arena grande sumir por ser muito cara e passar os gastos com ela para melhorar outras categorias...queremos aumentar e melhorar o evento todo: areninha, autonomos e arena grande ! 

Como disseram, TODOS TEM QUE FAZER SUA PARTE, competidores tentando ajudar e organização tentando prover mudança !

_________________
Bruno Felipe Guimarães
Graduando em Engenharia Mecânica pela Universidade Federal de Itajubá.
Capitão da Divisão Mecânica na Equipe Uai!rrior de Robótica
Build the best, destroy the rest !.

sigma

Level 27
27037781 xp

Registrado em:
22/05/2006

Local:
Rio de janeiro / RJ

Equipe:
SIGMA

Mensagens:
873

sigma

Responder com citações
Mensagem Dom Nov 11, 2018 2:24 pm
Melhorias Winter Challenge - Estrutura
Eu sei que o evento tem muito a melhorar, o que quis dizer é que essas questões existem e eles sabem. eu achei q sua postagem era algo tipo: Estudamos os problemas, essas são as soluçõoes, podemos fazer isso e aquilo que resolvemos. Mas só vi apontar problemas que a robocore ja sabe, não faz muita diferença simpesmente fiarfalando o q eles ja sabem. Uma solução é aumentar as inscrições,, mas aí vários vão reclamar... sei que somos clientes, temos direito de reclamar pois estamos pagando por algo, mas é o que temos no momento e se ja sabemos disso, nós tbm podemos nos ajudar. Pra que superlotar as bancadas de gente? o evento é divertido,, mas precisa mesmo ter 30, 40 pessoas na equipe? as vezes fica tanta gente no corrredor atrapalhando a passagem que estressa... mas compreendo q muitos querem ir p se divertir. Patrocinio eh interessante, tbm acho! talvez só com isso esses problemas desapareçam. Adoraria ter uma bancadinha a mais, mas enquanto nao tenho fico "brigando" com o delay no nosso espacinho conjunto hahaha 

Lembrando tbm que um espaço novo, maior, tbm terá seus problemas... serão novos problemas, mas vão existir... banheiros ruins, talvez necessitando locar banheiros quimicos, estacionamento, acesso, etc. sempre teremos problemas. Quero muito, mas muito mesmo, que esse evento se torne cada vez maior, mas temos de pensar em alguns pontos tbm: Uma marca patrocina o evento, que q ele de um show. ai chegam as equipes com robõs mais ou menos... seja pq empenou da outra vez, seja pq nao deu p concertar tudo, aí ta beleza... mas é uma competição! até quando vale a pena investir em algo assim e as equipes nao darem um show tbm. qual seria o retorno p essa empresa? será que vale mesmo a pena investir? se eu tenho uma marca e invisto em algo, não iria querer ver lutas como a final do ano passado... desculpe, mas foi uma *****... eu, como investidor, ficaria muito puto com isso e reclamaria com a organização, ai eles diriam que é uma competição, que eles quiseram garantir a vitoria, mesmo com o oponente com robo de lado e piloto desmaiado, é um direito deles. Mas eu, pagando pelo evento, não acharia isso legal... isso nao foi só a final, várias vezes acontece, seja p garantir a vitoria, seja pra poupar o robo, acontece. Fala aí, Você investiria nisso? eu não... 

Uma coisa que melhorou muito com o passar dos anos foi a arena grande. nossa... antigamente era horrivel, blocos de concreto de parachoques sujava muito... robôs ficavam presos toda hora... arena ganhou muita luta com isso! hahaha hoje temos parachoques de aço, policarbonato novo, etc. ainda temos o piso que precisa ser melhorado, mas o custo é beeeeem alto, pq trocar por um igual o q temos rapidamente ficará ruim. ai precisa ser algo mais espesso, mais a prova de Delay...  Very Happy 

Bem, como disse, é meu ponto de vista, e acho que tudo tem que crescer junto.

abraços

_________________
LÉO SIGMA

A EQUIPE MAIS UNIDA DO BRASIL!!! =)

Robôs:
- Sabão de Coco - 54,4kg
- Brutus - 13,6kg
- Vortex - 5,44kg
- Hockey Bot - 5,44kg

Wurs
Moderator
Level 33
33652800 xp

Registrado em:
05/05/2005

Local:
Poços de Caldas / MG



Mensagens:
884

Wurs
Moderator
Responder com citações
Mensagem Dom Nov 11, 2018 3:43 pm
Melhorias Winter Challenge - Estrutura
Sigma, acho que você deu uma viajada aí quanto aos patrocinadores. 
Existem 2 tipos muito diferentes. 

-1 é o patrocínio de empresas como Dewalt e Nsk ou SKF que auxiliam um evento universitário ou competição de tecnologia, MAS... não com o intuito de lucro ou show. 
Eles não querem isso. 
O retorno para este tipo de investidor é fazer com que a marca seja difundida entre futuros engenheiros que serão possíveis consumidores destas marcas e se referenciarão por elas. 
Ou você acha que Aerodesing ou baja dão show? Muitos nem funcionam.
 
-2 é a empresa que Compra o evento. E que vai usá-lo como meio de marketing e divulgação da sua marca e só. Este tipo de recurso busca apenas entreter o público e chamar atenção para seu stand.  
É o tipo de evento da Submarino.  Eeeee que por ter este formato já teve diversas criticas. Pois as equipes não são empresas profissionais contratadas.  Tudo pode acontecer. 

Abração

 Wurs

sigma

Level 27
27037781 xp

Registrado em:
22/05/2006

Local:
Rio de janeiro / RJ

Equipe:
SIGMA

Mensagens:
873

sigma

Responder com citações
Mensagem Dom Nov 11, 2018 4:23 pm
Melhorias Winter Challenge - Estrutura
Wurs Escreveu:
Sigma, acho que você deu uma viajada aí quanto aos patrocinadores. Existem 2 tipos muito diferentes.
Nossa carinha, Viajei mesmo. Realmente, são coisas completamente diferentes. Pra mim patrocínio queria show Tbm.

_________________
LÉO SIGMA

A EQUIPE MAIS UNIDA DO BRASIL!!! =)

Robôs:
- Sabão de Coco - 54,4kg
- Brutus - 13,6kg
- Vortex - 5,44kg
- Hockey Bot - 5,44kg

brunofelipegs

Level 0
567911 xp

Registrado em:
23/03/2016



Equipe:
Uai!rrior

Mensagens:
6

brunofelipegs

Responder com citações
Mensagem Dom Nov 11, 2018 7:49 pm
Melhorias Winter Challenge - Estrutura
sigma Escreveu:
Mas só vi apontar problemas que a robocore ja sabe, não faz muita diferença simpesmente fiarfalando o q eles ja sabem
Então Sigma, eu penso que quem cala consente. Sabemos dos problemas mas se não nos mobilizarmos, dá a entender que estamos contentes em continuar com os problemas... Como diria um amigo, certos estão os incomodados que dão voz aos fatos. Concordo com você que um local novo de competição trará novos problemas, assim como qualquer escolha que você tome para mudar ! Mas serão problemas novos, talvez (ou não) mais fáceis de se resolver, e que novamente, vai trazer uma experiência muito mais legal para a competição e desengessar o modo como ela acontece... Sobre a quantidade de membros, há a necessidade de 30 ou até 40 membros... Somos equipes universitárias, e falando pela Uai!rrior cada um é essencial, tanto na parte eletrônica e mecânica para montagem e projeto dos robôs, quanto da área da gestão para conseguir os recursos no pré e pós competição e assim a equipe evoluir. A rotatividade é muito alta, os membros que ficam bastante tempo na equipe é por cerca de 3 anos, e todo ano é necessário entrar, treinar e trabalhar os membros novos para mexer nos robôs. Se você para de competir, a Equipe Sigma deixa de existir... Se os membros das equipes não tiverem a experiência de competir, estar no boxes, sentir a competição depois de meses de trabalho, a equipe também morrerá ! A Equipe é de suma importância para a evolução das pessoas e a competição é de certa forma transformadora, por isso brigo aqui por isso, para que haja espaço para todos os membros, afinal, é liberada a inscrição ! Essa questão de patrocinador pelo show acho que é a parte mínima das empresas que se interessariam... quem quer saber de show é imprensa para fazer matéria ou em eventos do tipo URC como o Wurs disse, que é pra que geral compareça no estande. A maioria dos nossos patrocinadores nos patrocinam por sermos estudantes de engenharia, vinculados a uma faculdade tradicional e principalmente para incentivo a tecnologia e formar profissionais com uma vivencia especial durante a graduação. Eles ligam para os nossos resultados, mas não ligam pra que robô construímos, estão interessados em quem construiu o robô, que vai procurar estágio daqui a 2 ou 3 anos e pode ir pra tais empresas. Competições de Baja e Aero como o Wurs disse, tem mais de 60,70 equipes inscritas, e quando 15 carros conseguem completar todos circuitos é uma competição extraordinária. Quando uma equipe de aero consegue voar com todos seus protótipos e fazer marcas validas também ! Muitas vezes isso não gera show algum, e a organização junto do regulamento também não quer saber se você está usando um parafuso de Inox só para prender um sensor, a regra fala que é 12.9 e não tem conversa, o carro deixa de competir por conta de um parafuso ! Deixar robôs prontos na hora certa, organização durante a competição, uso de EPI, decisões tomadas durante as lutas, isso cabe unicamente as equipes, por questão de bom senso. A maneira de melhorar isso é tomada de ações pela organização, como foi rígida com travas de arma, segurança, EPI e estão certos em o fazer. Não da pra ser babá de todos, mas sabemos que nunca 5000 pessoas terão uma consciência igual e medidas corretivas melhoram isso... quando botam um piloto ou membro importante pra fora por conta de EPI a equipe sente a falta e principalmente a pessoa toma um tapa na cara para aprender a seguir as regras !

_________________
Bruno Felipe Guimarães
Graduando em Engenharia Mecânica pela Universidade Federal de Itajubá.
Capitão da Divisão Mecânica na Equipe Uai!rrior de Robótica
Build the best, destroy the rest !.

thales.santos

Level 0
61526 xp

Registrado em:
16/06/2016



Equipe:
TROIA

Mensagens:
1

thales.santos

Responder com citações
Mensagem Seg Nov 12, 2018 8:20 pm
Melhorias Winter Challenge - Estrutura
Fala turma, me chamo Thales e sou membro da equipe TROIA, pessoal me chama de Negão, entrando na discussão eu gostaria de apresentar mais um problema e discutir uma possível solução.
A área reservada a abrasivos, e ultimamente também a usinagem, é algo essencial para a boa dinâmica da competição. Entendo perfeitamente o motivo de não usarmos esses equipamentos dentro do ginásio, só que esse motivo se perde lá fora.

Não sei porque a galera acredita que porque ta lá fora as coisas ficam mais seguras, aí é nego esmerilhando peça na mão do colega, e esse colega sem óculos de proteção só olhando pro lado (sim, já presenciei isso kkkkkkkk). 
Alem disso uma coisa que sempre me chama muita atenção e me da medo é como pessoas inexperientes tentam trabalhar naquela área, inclusive com ferramentas manuais como arcos de serra e limas.  Moleque de 17 anos que nunca trabalhou com uma esmeriladeira na vida chega lá e começa a meter o louco. Sério, podar muito errado aquilo lá e estragar a competição. 
O que eu sugiro, além de melhorar o local como já citado pelo Pichu, é a adição de um membro da robocore nesta área, não para xingar ou reprimir, mas orientar quando necessário, e intervir em casos extremos quando necessários. 

Aquele local é o lugar no qual acredito ser o mais inseguro do evento, porem é o que menos recebe atenção com relação a segurança (eu realmente não entendo isso kkkkkkk). Se eu limar um uma peça nos box sem óculos eu posso ser expulso do evento, mas lá fora é tipo Índia. (Pau quebra lá)

Predrero

Level 10
10045991 xp

Registrado em:
15/04/2010

Local:
Itajubá / MG

Equipe:
Ogrobots

Mensagens:
219

Predrero

Responder com citações
Mensagem Qui Nov 15, 2018 9:30 am
Melhorias Winter Challenge - Estrutura
Parabéns pela iniciativa galera, só assim o evento pode melhorar cada vez mais.
Tem muita gente insatisfeita aí, que só reclama, porém nunca veio aqui para debater melhorias, expor suas dificuldades e também entender as dificuldades da organização.
Por isso, é de suma importância as equipes não se omitirem. Cada capitão poderia levar essa discussão até seus membros e trazer até o tópico a opinião das equipes.

Por Favor: sejam organizados e objetivos nos argumentos, só assim o debate cresce.

 Arrow Quanto ao problema das tomadas:
Pichu Escreveu:
Tínhamos pessoas para trabalhar mas não tínhamos espaço e as vezes faltava energia para as ferramentas. Já entrando em méritos de instalação elétrica, não sou da área e inclusive admito mau uso muitas vezes, mas ocorreu muitas quedas de energia. Nossa bancada ficou de frente pra Thunderatz e caiu a energia inúmeras vezes. Seguimos a competição mas sabemos a falta que faz em determinados momentos, posso dizer que demos muita sorte em momentos como esses.
Esse é um problema muito frequente. Vejam o lado da organização, temos 1600 pessoas fazendo as maiores e inimagináveis gambiarras elétricas na nossa rede. É muita coisa sendo plugada na rede, sem nem sabermos o que está acontecendo. Como funciona hoje: temos 3 quadros principais destinados às equipes. Deles, saem as tomadas/extensões para ligar as bancadas. Distribuímos as alas com extensões que chegam no disjuntor daquela ala. Se alguém daquela ala comprometer a extensão, cai a ala toda. Protege, porém quando uma equipe daquela ala faz alguma coisa errada, todas pagam. (e aí temos que achar a causa raiz do problema antes mesmo de religar o disjuntor, o que num emaranhado de pessoas + equipamentos é muito difícil). também falta bom senso entre as equipes. Idea Uma solução seria: Dividir o evento em mais alas. Hoje temos em torno de 12 a 14 disjuntores em cada quadro, o que daria 36 saídas úteis. Hoje usamos apenas umas 14 alas. Faltam extensões para fazemos as alas em setores longe do quadro. Mas vejam como esse problema é facilmente resolvido, pela aquisição de mais extensões. logo, acredito que esse problema para o próximo evento já estará minimizado. Arrow Quanto ao problema na área de solda/abrasivos.
Negão TROIA Escreveu:
A área reservada a abrasivos, e ultimamente também a usinagem, é algo essencial para a boa dinâmica da competição. Entendo perfeitamente o motivo de não usarmos esses equipamentos dentro do ginásio, só que esse motivo se perde lá fora. Não sei porque a galera acredita que porque ta lá fora as coisas ficam mais seguras, aí é nego esmerilhando peça na mão do colega, e esse colega sem óculos de proteção só olhando pro lado (sim, já presenciei isso kkkkkkkk).
Esse é um assunto bem delicado. Para a organização, esse é o pior lugar do evento e que se você fosse analisar de forma racional, nem deveria existir pelos perigos/problemas que pode causar. Eu já fui competidor, e sei muito bem o que rola nessa área. Esse é um dos fatos pelo qual essa área é isolada do evento. Quanto a estrutura acredito que melhoramos muito quanto a isso, hoje temos mesas de aço, luminária para ajudar no entardecer/noite, comparado ao velhos tempo, tá lindo isso. Mas vamos aos problemas para a organização: - Não pode estar em um local próximo a coisas inflamáveis. - Essa área faz MUITO BARULHO, muitas ferramentas elétricas ligadas ao mesmo tempo. Não dá pra trazer para dentro do ginásio. - Não pode ser de fácil acesso ao público (temos crianças, pessoas que não possuem experiência para saber que estão em um local perigoso, etc.) - Hoje ela fica no corredor lateral, e utilizamos a saída de emergência para acesso. (o que está MUITO ERRADO). - Má utilização das ferramentas disponíveis, imprudência, falta de bom senso, etc... acontece muito lá. Algumas soluções podemos propor: - Quanto às tomadas, novamente caímos naquele ponto de extensões. Hoje não existe uma extensão que chegue até lá fora. Veja, ela tem que sair de um quadro... passar pelas equipes, passar pela arena, passar pelas arquibancadas, varar a parede? para chegar lá fora. Realmente é um milagre ter UMA extensão lá fora... no último evento tinham 2. Idea Levar 3 extensões gigantes lá para fora, com 6 pontos de tomada. (falo em 3 extensões pois se levarmos uma do quadro, o disjuntor não vai aguentar) Deverão ser feitas essas extensões EXCLUSIVAMENTE para essa aplicação. Talvez até coloca disjuntores na extremidade da tomada para aumentar a segurança/ facilidade de rearme. - Quanto ao local, realmente não vejo outro melhor. Se não for lá, será onde? no campo de futebol? tendo que acessar com escadas? Na frente da loja na frente do evento? No andar de cima? Question Qual outro local que vocês propõe? (Respeitando aqueles problemas que enumerei acima). Exclamation - Quanto ao mau uso: Exclamation Infelizmente não disponhamos de staff suficiente nem para tocar o evento direito, quem dirá para colocar de babá de marmanjo lá fora. Isso é realmente uma coisa que me preocupa. Se for acontecer um acidente, muito provavelmente será lá. Agora, como resolvermos isso? Alocarmos um staff técnico bom (pois colocar uma pessoa sem experiência das ferramentas lá, não ajudaria) para lá e deixá-lo 24h lá fora para cuidar disso? Hoje contamos e dependemos do BOM SENSO das equipes, dos capitães (que são os responsáveis pelos seus membros) para cuidarem disso. Question O que vocês propõem? Não ter mais essa área? Limitarmos o acesso? Como e quem está apto a ir àquela área? Como garantiremos a segurança nessa área sem prejudicar o andamento do evento? Já já falo sobre os outros pontos levantados. Abraços, Pedreiro

brunofelipegs

Level 0
567911 xp

Registrado em:
23/03/2016



Equipe:
Uai!rrior

Mensagens:
6

brunofelipegs

Responder com citações
Mensagem Qua Nov 21, 2018 11:35 pm
Melhorias Winter Challenge - Estrutura
Valeeeu Pedreiro ! Deu pra entender muito dos problemas quanto a instalação

Esse ponto das extensões, como você disse, merece sim uma atenção maior e bom senso por parte das equipes, mas aumentar o numero de alas e extensões vai melhorar demais.

Predrero Escreveu:
- Quanto ao local, realmente não vejo outro melhor. Se não for lá, será onde? no campo de futebol? tendo que acessar com escadas? Na frente da loja na frente do evento? No andar de cima? Question Qual outro local que vocês propõe? (Respeitando aqueles problemas que enumerei acima). ..... Question O que vocês propõem? Não ter mais essa área? Limitarmos o acesso? Como e quem está apto a ir àquela área? Como garantiremos a segurança nessa área sem prejudicar o andamento do evento? Pedreiro
Sobre isso, eu andei pensando e tive a ideia, será que não seria interessante lá fora, no campo? (afastado das equipes de trekking obviamente) É um local mais amplo e limpo, que se colocar uns palets ou aquela madeira prensada no chão já é suficiente pra não estragar o gramado. Sobre o ponto das extensões, não sei se melhora ou piora, mas imagino que se chega a energia dos trekkings, 10m de extensão seja suficiente para levar lá. Tem um quadro pro campo ? Talvez seja melhor Sobre a segurança, vejo a necessidade de alguém da staff lá. Sei que é difícil fazer o mínimo com o tanto de pessoas que tem, e que vigiar marmanjo usando ferramentas lá não é algo muito divertido, mas talvez seja necessário. De repente um revezamento das pessoas lá, um membro da staff por período do dia ou por dia ... A limitação das pessoas também não vejo como algo ruim, diminui muito as chances de dar ***** com pessoas "capacitadas" lá, as equipes dão seus pulos. Só que para limitar, tem que haver fiscalização e consequentemente alguem da staff. Sobre essa necessidade de mais pessoas na Staff: Como foi a experiência em 2017 que houve um formulário para inscrição de voluntário para a Staff? Esse ano mesmo não vi algo parecido, será que se houver uma pequena divulgação, uma prospecção através de pessoas da comunidade que já não competem, não daria pra aumentar o número ? Na atual situação, 4 membros a mais na staff eu creio que já ajudaria muito Acho que por enquanto é isso ! Abraços Pichu

_________________
Bruno Felipe Guimarães
Graduando em Engenharia Mecânica pela Universidade Federal de Itajubá.
Capitão da Divisão Mecânica na Equipe Uai!rrior de Robótica
Build the best, destroy the rest !.

massa

Level 1
1958195 xp

Registrado em:
30/04/2009

Local:
São Paulo / SP

Equipe:
CTOR

Mensagens:
34

massa

Responder com citações
Mensagem Dom Nov 25, 2018 3:11 pm
Melhorias Winter Challenge - Estrutura
Esse é o tópico dos textões pq todo mundo tem coisa pra caramba pra falar, mas vou tentar ser breve nos pontos.

Como muitos daqui, estou por aqui faz um tempo... já fui competidor "padrão", plioto, capitão de equipe universitária, capitão de equipe particular e, até que a relação tempo/orçamento mude, estou na organização.Então conheço bem os dois lado jogo.

Pelo que eu vejo temos problemas dos seguintes tipos: Infraestrutura, organização, regras e comportamento.

Comportamento: É muita gente e pouco staff, isso é fato e todo mundo já sabe. As pessoas/equipes tem que saber conviver umas com as outras e respeitar o espaços que temos disponível, independente de onde for o evento sempre seria melhor se tivesse mais espaço. Quanto maior a equipe mais ela tende a se esparramar pelos corredores, arquibancadas, chão e banheiros (sim! já aconteceu), o jeito é conversar com os vizinhos e chegar numa solução pra isso. Investir parte da grana de equipe em infraestrutura também ajuda, eu sei que o dinheiro é curto pra todo mundo mas vão por mim, o trabalho da Thunder ficou 300x mais eficiente depois que conseguimos um carrinho de ferramentas e maletas de parafusos.

Sobre a relação membros de equipe e capitães com o Staff. Capitão de equipe, leia as regras, ouça com a atenção os recados do primeiro dia e converse com a sua equipe para eles seguirem as regras! Na época que eu era da Thunder o nosso orientador falava uma coisa muito séria em relação a oficina da POLI mas que se aplica pro evento tbm: "Façam tudo sempre com a maior segurança possível pq basta um se machucar pra brincadeira acabar pra todo mundo". Isso é mais real do que vocês imaginam, se algum dia acontecer algum acidente grave boa sorte em achar qlqr lugar pra fazer uma competição. O Staff vai priorizar isso sempre, não adianta pedir por favor pq o cara é piloto, mandar capitão ir falar com a mesa ou formar rodinha em volta.

Regras: O primeiro ponto é, leiam as regras. Como membro de equipe já "nos livramos" de ter que mexer no robô de ultima hora por saber bem o que estava escrito nas regras e conseguir argumentar com a organização baseado em fatos não em "não faz sentido...", "na minha opinião..." ou "Sempre foi desse jeito e ninguem nunca reclamou". Em particular esse último, isso não é motivo para continuar fazendo nada, se a regra mudou ou se no passado não foi aplicada não significa que da próxima vez ~a gente~ /vcs vão "ter sorte" de conseguir ir assim de novo.
Tem dúvidas, não está claro algum ponto, acha que algum tópico poder ser melhor redigido para desambiguar? Escreva a proposta e poste no fórum, se for cabível pode ser que eles mudem o texto da regra ou pelo menos falem sobre isso no briefing.

Organização: O evento cresceu e ficou bem mais organizado desde que eu entrei, em 2009, e mesmo assim ainda tem muito pra melhorar. Nesse quesito o principal problema que eu vejo é a segurança, não tem como cuidar do patrimônio de cada um dos participantes e etiquetar e conferir cada equipamento que entra. Em Campus Party que tem detector de metal, revista e scanner de código de barras em todas entradas (sem contar na diferença de orçamento) isso já não é 100% eficiente. 

É muito ruim mas infelizmente teremos que ter uma preocupação a mais nos boxes, cuidar das nossas coisas. Quando eu trabalhava no oficina da thunder eu deixava, celular e notebook em qlqr canto pq conhecia e confiava em todos daquele espaço, e mesmo que eu não estivesse olhando, se alguém estranho entrasse lá sabia que os outros membros da equipe não iriam deixar um desconhecido levar nada de lá de dentro. O que eu acho válido fazer é fazer o mesmo que eu fazia quando acampava nas Campus Party, colocar uma trava kensington prendendo a mochila (fechada com cadeado) e o notebook ao pé da mesa. Também acho que a organização precisaria ter pelo menos um segurança por catraca e um pra ficar rondando pelo evento.

Infraestrutura: Aqui o debate é grande e complicado... as ferramentas ficaram menores e mais potentes e mais acessíveis, antigamente o máximo que as equipe tinham era uma furadeira de mão e algumas tinham uma esmerilhadeira. Hoje em dia temos equipeS trazendo mini tornos, furadeira de bancada e micro retíficas pra tudo quanto é lado. A competição que eu acho que foi o máximo de organização no uso de equipamentos foi em Jaguariúna, havia uma sala ao lado do ginásio com biombos para a utilização de ferramentas. Não conheço a Mauá o suficiente para dizer que eles conseguiriam disponibilizar um espaço assim. Mas o que eu acho que daria para ser feito era montar baias com mais cortinas de solda naquele corredor. E um recado pra galera mais nova, pq eu sei que os macacos velhos já fazem isso, não tenham medo/vergonha/receio ou nada do tipo de chegar em alguém e falar "Ow meu amigo, para de fazer <qlqr cagada que o infeliz esteja performando> que você ta colocando a sua segurança e principalmente a minha segurança em risco" 

Sobre as mesas, tomadas e afins acho que muita gente já falou bem sobre esse assunto e o post ta grande pra caramba já.

IsaBologna

Level 0
89203 xp

Registrado em:
02/05/2016



Equipe:
ThundeRatz

Mensagens:
2

IsaBologna

Responder com citações
Mensagem Ter Dez 18, 2018 11:32 pm
Melhorias Winter Challenge - Estrutura
Olá, 

Me chamo Isabella, e a galera na Guerra me chama só de Isa. Sou capitã da elétrica na Equipe ThundeRatz, e também estou há 3 anos aí. Gostaria de pedir desculpas a todos pela demora por um posicionamento da Thunder nesses assuntos. Sabemos que a demora só atrapalha o andamento das discussões, mas foi uma época complicada de fim de semestre e acabei me enrolando. 

Acho que essa discussão é muito importante e, inclusive, queria parabenizar o Pichu por ter conseguido puxar isso, temos muito a ganhar. 


- Instalações e Espaço

A questão de espaço pra trabalhar é crítica. Em especial os nossos autônomos e os hockeys NUNCA têm espaço nas mesas pra fazer mais do que uma solda. Dessa forma, precisam trabalhar os 4 dias de Winter no chão, espalhados pela arquibancada/redondezas e usando mesas improvisadas no corredor. Isso atrapalha muito o fluxo de pessoas nos boxes, diminui muito a segurança e atrapalha também o público. 

Sei que isso acontece por conta da limitação de espaço no ginásio da Mauá que, mesmo sendo grande, está pequeno para o tamanho da competição. Com essa limitação o espaço disponível para cada equipe só diminui. Sei que não é o ideal e não gostaria nem um pouco que precisássemos, mas é inevitável que pra conseguir dar conta de tudo que acontece durante o Winter seja necessário que as pessoas possam trabalhar nesses lugares, claro, evitando atrapalhar os outros.

Cheguei a conversar com o Pichu logo no início e acho que o ideal seria como é feito na Robogames com um segundo ginásio para os autônomos. Lá sim tínhamos espaço suficiente para nossos projetos. Era um pouco complicado ter as pessoas divididas, mas muito menos do que como é hoje no Winter. Não sei como é na Mauá e se existe a possibilidade de usar algum outro espaço próximo para isso, mesmo que não fosse tão grande. 

Não existindo um espaço assim na Mauá, imagino que dê para conversar com outras faculdades pra ver a possibilidade, se não no Winter 2019 mas em 2020, de mudar para outro lugar. Por exemplo, o pessoal da Omegabotz fica em Sorocaba, uma cidade próxima a São Paulo, e a Robocore poderia dar uma olhada lá na faculdade deles pra estudar a viabilidade. Assim, a logística da grande maioria das equipes não mudaria muito e teríamos mais espaço, pois lembro deles comentando que o espaço lá era bem grande, mas ai acho melhor alguém da equipe falar sobre isso.
Ou ainda, poderíamos ir mais longe e abandonar essa ideia de ser um ginásio em uma universidade e conseguir um lugar para eventos maior e que suporte esse crescimento. Existem infinitos na capital e arredores, e é algo a se pensar também. A visibilidade também poderia crescer muito, o que poderia ajudar o ponto que foi levantado de patrocinadores (falarei mais depois). 

Esse estudo de um novo lugar, como falei, provavelmente seria algo a longo prazo. Não sei como funciona a organização de um evento tão grande, mas imagino que seja complicado conseguir em pouco tempo. Dessa forma, a curto prazo poderíamos pensar em como otimizar o espaço disponível e melhorar um pouco a próxima edição. Possíveis ideias seriam fechar uma maior parte do ginásio como box, incluindo parte do gramado onde hoje tem o Trekking, como o Pichu comentou, e talvez até o "mezanino" do lado de fora, que sempre acaba sendo ocupado por equipes com autônomos. São algumas coisas que pensei que podem diminuir o "sufoco" que é hoje o Winter e, a longo prazo, fazer uma mudança maior. 

Quanto à questão da segurança na área de trabalhos externa: entendemos as questões levantadas de falta de opções atuais para lugar e de falta de gente para ficar lá de segurança. Temos que contar com mais bom senso de cada membro que for usar, com certeza, mas também pensar que qualquer descuido de uma pessoa pode comprometer uma vida e manchar o nome da competição. 

Caso o espaço atual seja mantido, a ideia do Massa de pôr umas cortinas de solda ou algo do tipo parece interessante, já impediria de faíscas voarem nas pessoas próximas. Deixar um staff com mais experiência pra ficar plantado o dia todo como segurança, obviamente, não é uma solução, mas talvez fazer um rodízio de pessoas para fazerem isso fosse mais seguro para conseguir manter aquele espaço atual. Se, conversando com a Mauá, eles conseguissem um outro espaço maior e capaz de ser seguro, mesmo que ficasse a uns dez minutos a pé do ginásio da competição, talvez valeria mais a pena deixar de correr esse risco.

Sabemos que o WC tem potencial para ser a maior competição do mundo. À exceção da infraestrutura, existem muitos pontos superiores à Robogames e poderia, assim, continuar crescendo e ser a maior. 


- Custos

O valor das inscrições tem ficado cada vez mais alto, tanto de robôs quanto de pessoas, e não existe uma melhora significativa entre as edições que passe a ideia de estar valendo a pena. Acredito que tenham gastos dos quais nós simplesmente não temos noção das proporções, e por isso seria muito bom que a Robocore passasse para os competidores mais informações desse tipo, que trouxesse mais transparência e noção para nós, afinal, transparência nunca é demais. Nem precisa ser nada detalhado, só uma proporção da arrecadação e da ordem de grandeza de cada um dos gastos, pois acho difícil abrir totalmente esses valores pro pessoal. Assim seria mais viável discutirmos sobre as questões de melhorias na competição, sabendo o real custo de uma mudança no chão da arena, por exemplo, como foi levantado em outro tópico aqui do fórum. 

Além disso, acho que a competição tem proporção mesmo para ter patrocínios, mas isso dependeria de pessoas dedicadas a isso dentro da própria Robocore e investindo esse dinheiro diretamente em melhorias para manter a competição com alto nível.
Um espaço maior só ajudaria nisso, trazendo mais visibilidade pra competição e pro esporte, com emissoras, mais notícias, até mais empresas ficariam interessadas na competição e nas equipes, todos teriam a ganhar. Seguindo essa linha de raciocínio, ter uma mobilização pra melhorar a visibilidade também, a fim de melhorar a captação de recursos também. 

Não conheço muito sobre a SAE, mas parece ser uma possibilidade a ser analisada. Acho bom que tenham ideias assim para a Robocore poder analisar melhor as nossas sugestões, tendo várias. 

- Equipes Grandes

Tiveram alguns comentários aqui sobre equipes grandes "atrapalharem" o evento por serem muitas pessoas, com muitos projetos e indo de um lado para o outro sempre. Isso faz com que a gente acabe atrapalhando muito o corredor em que estamos, principalmente quando estamos perto das arenas. Já discutimos muito sobre isso, e durante a competição estamos tentando sempre nos policiar e evitar ao máximo atrapalhar as outras pessoas. 

Seguindo essa ideia, esse assunto sobre limitar o número de membros das equipes acho que não faz sentido, afinal, se temos 25 projetos, precisamos de muitas pessoas para dar conta. Em especial, nós, equipes universitárias, temos uma alta rotação de membros e muita gente que está aprendendo e, principalmente, muitos bixos. Não tem como esperar que membros inexperientes tenham um rendimento muito alto, mas também não temos como deixá-los de fora da experiência que é o Winter. 

Além disso, não tem como comparar hobbystas que mexem em robôs parecidos há mais de 10 anos com nosso caso, estudantes entre 1 a 3 anos de guerra, com mais de 20 robôs para cuidar durante todos os 3 dias de competição. Assim como o Pichu falou, todos são essenciais para que a equipe funcione mesmo, sejam nas 3 áreas técnicas, seja design/administrativo que nos ajudam muito pra conseguir patrocínio e nos mantermos.

Claro que o ideal seria termos todos os robôs prontos para a competição pra passarmos na inspeção tranquilamente. Ninguém gostaria mais disso do que nós mesmos. Porém, infelizmente, tivemos problemas no pré competição (esse ano em especial) que nos fizeram chegar com alguns robôs atrasados. Mas nossa meta é sempre, claro, ter tudo pronto e precisarmos trabalhar o mínimo durante a competição. 


Acho que essa discussão pode trazer muitos benefícios, pois o Winter Challenge tem muito potencial. Melhorando as questões levantadas e buscando corrigir os problemas existentes, com certeza o evento vai crescer cada vez mais. Todos temos a ganhar. 

Antes tarde do que nunca hehe
Mostrar mensagens desde a última:




Ir para:  
Todos os horários são GMT - 3 HorasVocê não tem permissão para escrever novas mensagens
v não tem permissão para responder às mensagens
Você não tem permissão para editar suas mensagens
Você não tem permissão para deletar suas mensagens
Você não tem permissão para classificar tópicos
Você não tem permissão para classificar mensagens
Você não tem permissão para votar em enquetes
Anexar downloads : Proibido
Fazer Download de Arquivos: Permitido
Powered by phpBB © 2001 phpBB Group