SUPORTE TÉCNICO
De segunda à sexta pelo e-mail:
suporte@robocore.net
CENTRAL DE ATENDIMENTO
De segunda à sexta das 8:00 às 17:30
(11) 3522-7626 / vendas@robocore.net
Retornar
ao topo

Classifique este tópicoPéssimoRuimMedianoBomÓtimo
Ir para página Anterior  1 2 3 4 5
Autor
Mensagem

PauloChip

Level 26
26414366 xp

Registrado em:
23/11/2006

Local:
Embu / SP

Equipe:
Proteus

Mensagens:
692

PauloChip

Responder com citações
Mensagem Sex Mar 27, 2009 7:20 pm
Controle de Corrente
OI Smarley...

Há vários tópicos relacionados ao controle de corrente, alguns abordam sensores p "qualquer" corrente como é o caso dos shunts.

Sugiro usar o busca aqui do forum...

_________________
PauloChip
Equipe Proteus
"Nenhuma certeza absoluta é mais inteligente do que uma simples dúvida (PC)."

PauloChip

Level 26
26414366 xp

Registrado em:
23/11/2006

Local:
Embu / SP

Equipe:
Proteus

Mensagens:
692

PauloChip

Responder com citações
Mensagem Sab Mar 28, 2009 10:11 am
Controle de Corrente
Normalmente, após o shunt, vc usa um circuito q compatibiliza o valor resultante do shunt com o valor de tensão necessário para seu AD.

_________________
PauloChip
Equipe Proteus
"Nenhuma certeza absoluta é mais inteligente do que uma simples dúvida (PC)."

PauloChip

Level 26
26414366 xp

Registrado em:
23/11/2006

Local:
Embu / SP

Equipe:
Proteus

Mensagens:
692

PauloChip

Responder com citações
Mensagem Dom Mar 29, 2009 5:54 pm
Controle de Corrente
É comum termos um valor de AD oscilante.

Isso pode ter diversos motivos e pode ser até proposital. O importante é vc saber a origem da flutuação e se ela pode ser eliminada sem impacto negativo na sua análise.

Os problemas mais comuns são:

 Arrow Sinal de origem oscilante:
Ocorre por diversas razões e pode ser integrada com a adoção de um capacitor de valor calculado na entrada do AD. Esta integração tbm pode ser feita por software a partir de várias leituras e média ponderada;


 Arrow  Fonte de alimentação:
Mesmo bons circuitos de fonte de alimentação podem gerar pequenas variações nos terminais do PIC o q compromete leituras de AD. Quando as trilhas de alimentação são longas há necessidade de fazer o desacoplamento com um capacitor de 100nF conectado o mais próximo possível entre o VCC e o GND do PIC. Muitos desprezam os 3 capacitores necessários aos reguladores de tensão LM7805, não os ignore !

 Arrow  Indução no sinal:
Longos cabos ou trilhas podem induzir interferência da rede elétrica ou gerado por motores, relés e outras fontes de ruído. Estes ruídos são convertidos em níveis de tensão que fazem oscilar os valores dos ADs. A isolação física e elétriacs é crucial p estes casos;


 Arrow  Alta impedância na entrada do AD:
Está especificado no data-sheet que a impedância máxima aceita em uma entrada do PIC é de 10Kohms. Se ela estiver acima disso vc terá oscilações na leitura. Vc não sabe o que é impedância ? Xiiiii Confused 

 Arrow  Erro na leitura:
A conversão AD exige uma configuração prévia e leva um tempo para ser executada, que depende do valor do oscilador usado. Se a configuração estiver errada ou vc não estiver dando tempo para conversão acabar vc terá valores oscilantes. Já comentado em posts anteriores.

Ou seja: Sim, eu já tive alguns problemas de valores de AD oscilando  Laughing

_________________
PauloChip
Equipe Proteus
"Nenhuma certeza absoluta é mais inteligente do que uma simples dúvida (PC)."

PauloChip

Level 26
26414366 xp

Registrado em:
23/11/2006

Local:
Embu / SP

Equipe:
Proteus

Mensagens:
692

PauloChip

Responder com citações
Mensagem Ter Mar 31, 2009 11:23 am
Controle de Corrente
Putz cara.... não tô entendendo nada... Acho  q não li seus posts direito.

Este chip, pra começar, é muito bom, aliás, a Allegro é uma empresa relativamente nova e só faz filé-mignhom.

A saída do ACS varia conforme a corrente medida e seu limite é aproximadamente 5V, nunca mais que isso. Sua saída é totalmente linear e proporcional, o q significa q vc pode medir, virtualmente qualquer montante de corrente (dentro dos limites de -5A a 5A), basta seu AD dar conta do recado.

Se este for o caso não há necessidade de colocar qualquer circuito entre o ACS e o AD, nem mesmo 1 resistor. A propósito, a impedância de saída do ACS é de 4.7Kohms (conforme dados da pg.4 Rload), totalmente compatível com o AD do PIC.

A regra geral diz: Quanto maior a quantidade de componentes maior a possibilidade de problemas, então eu ligaria direto mesmo.

Mas a grande questão é que vc quer medir apenas de 0A a 300mA o que é muito pouco comparado com o "fundo de escala" deste componente. Pelo data-sheet para cada Amper vc terá 185mV a mais na saída (pg.5 Sens), então cada mili Ampere resultará em 0,185mV na saída. Como vc quer medir de 10 em 10mA o seu AD precisa ter uma resolução suficiente para detectar alterações de 1,85mV. O que é uma variação MUITO baixa.


Para saber qual será a sensibilidade de um AD vc precisa pegar a tensão de referência do AD (no PIC pode ser o VDD ou um pino por onde se injeta a tensão de referência) e dividir pela resolução. EX: Vref/8bits = 5/256=0,01953125 ou seja 19,5mV que é 10 vezes superior (inferior) ao q vc precisa.

As soluções possíveis são:  
1- Diminuir a tensão de referência do AD;
2- Aumentar a resolução do PIC (trocando o PIC por outro de maior resolução);
3- Utilizar um circuito que amplifique somente a faixa de interesse.

1- Para diminuir a tensão de referência é necessário configurar o PIC para que um dos seus pinos aceite esta tensão. Como vc precisa de um precisão 10 vezes maior vc terá que aplicar uma tensão 10 vezes menor, ou seja, 0,5V. Eu, sinceramente, nunca trabalhei com uma tensão de referência tão baixa, nem sei se o AD do PIC aceita esta tensão como referência (consulte o data-sheet). De qualquer forma o circuito ficará muito susceptível a ruídos porque esta tensão de 0,5V não poderá ter ripple (oscilações AC) superiores a 0,1% (500uV) e isso é muito difícil de se conseguir (mas não é impossível);

2 – Vc pode usar um PIC com resolução de 10bits ou 12bits. 10bits dará (usando VDD (5V) como Vref) uma precisão de 4,8mV insuficiente para sua aplicação.
12bits dará uma precisão de 1,2mV suficiente para sua aplicação. Vc continuará precisando que sua fonte de 5Volts tenha baixo ripple, mas isso é muito mais fácil do que conseguir uma referência de 0,5V !

3- A maioria dos projetos acaba por utilizar um circuito amplificador para “modelar” o sinal para o AD. Isso é totalmente viável e precisa q vc conheça como os amplificadores operacionais funcionam (o que eu não irei explicar aqui, use o Google) mas como eu já disse, eu prefiro circuitos mais enxutos.

 Arrow  Sinal de origem oscilante:
Não, o sinal não vai sair do ACS, o sinal vai sair do circuito q vc quer medir e passará pelo ACS p conversão. Eu estava me referindo as oscilações do circuito q vc quer monitorar;

 Arrow Fonte de alimentação:
São estes capacitores mesmo, não se esqueça do capacitor de 100nF junto ao LM7805. Um grande capacitor não dispensa a utilização de capacitores de valores menores porque cada capacitância tem o poder de filtrar uma determinada frequência de ruído, Vc já viu vários capacitores de diferentes valores em paralelo ? É por isso;

 Arrow Indução:
Esqueça a proto-board, ela só serve p brincar de led piscando (brincadeira), monte sob uma placa padrão, não é ideal mas é muito melhor;


PS1: Se vc realmente gostou do fórum ajude-nos a mantê-lo, arregaça as as mangas e comece a ajudar os colegas q tem dúvidas, mesmo q vc tenha q estudar pra isso !
PS2: Não parece q estamos te ajudando. Não sei se vc notou os raios q tem abaixo das mensagens, é por ai q nós medimos o quanto a resposta foi útil !

_________________
PauloChip
Equipe Proteus
"Nenhuma certeza absoluta é mais inteligente do que uma simples dúvida (PC)."
3
vpinho13

Level 0
444747 xp

Registrado em:
05/06/2012

Local:
campinas / SP



Mensagens:
7
3
vpinho13

Responder com citações
Mensagem Sab Jun 23, 2012 7:04 pm
Controle de Corrente
Amigos estou com o mesmo problema.


Eu quero (preciso) ler a corrente de um celular desligado, apenas com a bateria conectada. A corrente que deve ser lida no celular com a bateria ficará na casa dos 10~11mA.


Pretendo usar o ACS712 que mede correntes à partir de 3mA conforme datasheet do fabricante.


Vou usar o Arduino para tratar a leitura dessa corrente.(atmega 328).


O problema é que se eu usar uma variável de 10 bits vou ter algo em torno de 5v/1024 = 0.0048mV. 
Mas o ACS várias apenas 0.185mV a cada 1A que varia na sua base.

isso me daria algo em torno de uma medição de 1000mA divido 10mA vai dar dividido por 100 certo

0.185/100 = 0.00185 bem abaixo do que a capacidade de medir a váriação do arduino.


Como posso tratar esse sinal?

Tem algum CI comercial que seja capaz de medir valores de corrente nessa ordem?/

valeu pessoal.

evristow
Moderator
Level 111
111245049 xp

Registrado em:
25/04/2006

Local:
Rio de Janeiro / RJ

Equipe:
ODDBotz

Mensagens:
3997

evristow
Moderator
Responder com citações
Mensagem Qua Dez 19, 2012 3:13 pm
Controle de Corrente
Existem algumas alternativas.

A primeira é não usar o ADC do arduino, empregando com maior resolução, por exemplo 16 bits, o que te dará de 65536 intervalos ou seja um para cada  0.0000762939453125V

Outra opção é usar um sensor de corrente para um intervalo menor. Como você quer medir uma corrente baixa, um sensor para 0,5A ou 1A ao invés de 5A vai de dar melhores resultados. 

Se você já tiver o ACS712 e não quiser usar um ADC externo, a solução é amplificar o sinal de saída do sensor com um OPAMP, só tome cuidado para não gerar sinais com mais de 5V e queimar a entrada do Arduino. 

Abraço,
Dudu

_________________
1 - Leia as Regras de Conduta do Forum!
2 - Não respondo dúvidas por mensagem privada. Poste-as no fórum! Sério!
3 - Só crie uma equipe se for competir!
3
robfull2009

Level 0
20980 xp

Registrado em:
06/05/2018





Mensagens:
3
3
robfull2009

Responder com citações
Mensagem Dom Mai 06, 2018 5:38 pm
Controle de Corrente
ola a todos estou com um probleminha aqui que esta acontecendo comigo estou montando um kart eletrico estou usando um controle pwm desses baratinho mas estou colocando varios mosfets em paralelo tudo funciona mas quando coloco a carga no kart sempre uns dos mosfet esta queimando eles sao do modelo irfb3206 coloquei 4 diodos de 25amp cada acredito que seja alguma coisa na frequencia ou meus mosfets nao sevem alguem com mais conhecimento ja passou por isso ? por favor me ajude 

Robson
Mostrar mensagens desde a última:
Ir para página Anterior  1 2 3 4 5




Ir para:  
Todos os horários são GMT - 3 HorasVocê não tem permissão para escrever novas mensagens
v não tem permissão para responder às mensagens
Você não tem permissão para editar suas mensagens
Você não tem permissão para deletar suas mensagens
Você não tem permissão para classificar tópicos
Você não tem permissão para classificar mensagens
Você não tem permissão para votar em enquetes
Anexar downloads : Proibido
Fazer Download de Arquivos: Permitido
Powered by phpBB © 2001 phpBB Group